CTG O Fogão Gaúcho realiza live com artistas tradicionalistas no domingo para marcar seus 72 anos

O Centro de Tradições Gaúchas O Fogão Gaúcho está comemorando 72 anos de fundação e, para marcar a data, diversas ações estão sendo realizadas. No próximo domingo, 16, às 19 horas, uma live comemorativa vai reunir importantes nomes do tradicionalismo, sejam eles integrantes do grupo ou de reconhecimento estadual.

Com apresentação comandada por Vivian Treici Oliveira e Júlio Bartzen de Araujo, a transmissão terá a participação dos músicos Guilherme Valadas e Elton Saldanha. Além deles, as pratas da casa Yasmin Hugentobler, Gabriel Morais e Lucas Hack também vão abrilhantar o momento esbanjando talento. A transmissão ao vivo será realizada através do Facebook do O Fogão Gaúcho e página do Facebook do MTG – Movimento Tradicionalista Gaúcho, com suporte técnico da Agaóh Filmes.


Pioneiro do tradicionalismo gaúcho, o CTG “O Fogão Gaúcho” foi fundado em agosto de 1948, apenas quatro meses depois do “35” CTG, e é o segundo centro de tradições gaúchas mais antigo do mundo. O patrão da entidade tradicionalista, Auro Paulo Sander, acredita na nova geração para manter acessa a chama da cultura, valorizando a importante data. “Completar 72 anos fazendo cultura gaúcha e mantendo acessa a chama do tradicionalismo em meio a toda a modernidade não é fácil, mas nos sentimos estimulados e motivados para seguir em frente ao ver as crianças se divertindo e aprendendo sobre a nossa cultura. Assim, temos a certeza de que elas são o futuro de nossa entidade e do tradicionalismo gaúcho. As novas gerações nos fazem vislumbrar o centenário e assim continuar a nossa missão de levar adiante a nossa bandeira”, destaca. Para ele, é uma honra liderar e incentivar a patronagem (diretoria) e seus sócios. “Tenho um lema pessoal que é ‘ninguém é mais forte que todos nós juntos’ e assim deixo todos livres e motivados a criar. E falando em criar, em época de crise tem aí mais um pequeno lema que é: CRISE, apenas tire o “S” e fica “CRIE”. Portanto, é o que estamos fazendo, usando as ferramentas que temos disponíveis para a adaptar as atividades”, explica.

Vídeo comemorativo

Na última semana, para abrir as comemorações, foi lançado o vídeo intituladoSou Fogão Gaúcho – Cultura para Eternizar”. Com o roteiro de Júlio Bartzen de Araujo, locução de Vivian Treici Oliveira, imagens e edição de Agaóh Filmes e imagens de Visão Imagens Aéreas e acervo da entidade, a ideia baseava-se em ouvir a alma da entidade, que no silêncio da pandemia produz barulhos ensurdecedores. Um espaço cultural como o CTG, é feito de aglomeração, gente, emoção, trocas de experiência e muita criatividade. Se por um lado, ver tudo fechado, mesmo que temporariamente, gere uma grande tristeza, ao mesmo tempo reforça os legados da entidade para continuar por mais 72 anos e além.

Confira a produção:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s