Cultura para todos: Sexta tem Arte celebra os resultados de 2019

Promover a arte de forma genuína e gratuita, levando para o público manifestações culturais riquíssimas, com artistas talentosos e em atrações cheias de personalidade. Assim foi o Sexta tem Arte, projeto idealizado por Kiko Sousa, músico e professor, que colocou a cidade de Taquara na cena cultural regional. Durante todo o ano, a comunidade foi presenteada com o acesso a espetáculos culturais, realizados às sextas-feiras, no Centro Educacional Índio Brasileiro Cézar (antigo Cine Viena). Cada atração fazia duas apresentações: uma a tarde, para o estudantes de escolas públicas e outra à noite, aberta à população. Era só chegar e saborear o melhor da arte!

“Pra mim, a maior vitória foi poder levar diferentes formas de expressões artísticas para as crianças. Privilegiamos a formação de plateia, com crianças de escolas públicas, que nem sempre tem acesso a eventos culturais”, avalia Kiko. Além de assistir aos espetáculos, o público ainda pode ter contato, conversar e até fazer parte de alguns espetáculos. “Muitos adultos também relatavam que nunca tinham tido acesso a cultura de graça, em um ambiente legal, com a qualidade de som e luz que oferecemos”, pontua.

Prefeitura abraçou o projeto

O primeiro semestre de atrações culturais foi realizado através de conquista do edital #juntospelacultura_2, da Secretaria de Estado da Cultura (Sedac). Para a segunda etapa, a Prefeitura de Taquara comprou a ideia e financiou a realização de mais quatro edições. “É um orgulho enorme que a cidade abraçou o projeto e a administração municipal comprou a ideia. “é relevante demais em termos culturais. Poucas vezes o município fez parceria com entidades como a nossa, com esse tipo de iniciativa que propõe cultura de graça, num lugar legal. Foi um sucesso de público e de crítica”, declara Kiko.

Para o vice-prefeito de Taquara, Hélio Cardoso Neto, a administração reconheceu a relevância do projeto por disponibilizar atrações multiculturais para os alunos e também para a comunidade em geral de forma gratuita.  Para ele, a promoção da cultura é um meio de emancipação cidadã. “O projeto disponibilizou manifestações culturais que incentivaram o pensar e o participar, seja dos alunos beneficiados, seja do público em geral que foi contemplado com excelentes apresentações artísticas”, justifica. O gestor destaca que, sempre que possível, procura incentivar a Educação e a Cultura. “A cultura faz produção de pensamentos, evolução cognitiva para várias áreas do saber. Foi muito bom incentivar e participar do Sexta tem Arte. Precisamos lutar para que continue. Projetos como este não devem parar”, projeta.

Helio e Kiko

Atrações culturais em cena

Dança, teatro, música autoral e cover foram as manifestações artísticas que subiram ao palco do Sexta tem Arte. Em setembro, o start dessa segunda edição contou com a dança em apresentação do CTG Essência Gaúcha, em outubro foi a vez do teatro com a peça infantil “Segredo”, da A Cia. ÓMaria do Teatro, em novembro a atração foi Letícia Roennau cantando Elis Regina e dezembro foi dedicada a música autoral com o Duo Giovanna Mottini e Lucas Rocha. A realização do Sexta tem Arte foi da Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esportes e da Associação Cultural Casa do Rock, em parceria com o Sesc Taquara.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s