O Fogão Gaúcho realiza noite cultural com homenagem à premiada escritora Jurema Chaves

A poesia, a arte e as amizades foram o grande destaque da noite de sábado, 11, no CTG O Fogão Gaúcho, em Taquara. A entidade realizou o “Regalo de Memórias”, com o primeiro lançamento presencial do livro “60 anos de Poesia”, da premiada escritora Jurema Chaves. Com homenagens especiais, a noite celebrou a trajetória da poetisa, declamadora, ativista cultural e compositora.

A homenageada subiu ao palco acompanhada de Clara Lisiane Faccio (declamadora premiada e integrante do CTG Passo dos Tropeiros de Rolante), Silvana Giovanini (declamadora premiada, de São Francisco de Paula e filiada ao CTG Porteira do Rio Grande, de Vacaria) e Marcio Herthal (declamador premiado e avaliador de rodeios) que falaram sobre a importância da obra e da pessoa de Jurema em suas trajetórias no movimento tradicionalista gaúcho.

Em sua fala, Jurema relembrou o início de sua paixão pela poesia, ainda aos três anos de idade, e o quanto a arte a fez companhia ao longo de sua vida. “Nos momentos felizes ela me anima, nos tristes é a poesia quem me abraça. Ela sempre me visita e faz morada independente de onde eu estiver. Ela chegou na minha vida e nunca mais me largou, é quem justifica tudo o que sou. Escrevo com alma e as pessoas me conhecem quando me leem”. Ela ainda brindou o público com uma empolgada e emocionante declamação.

A noite ainda contou com declamação de Luiza Tormes (1ª Prenda Juvenil da 22ª Região Tradicionalista e integrante do CTG Os Tauras da Colina), declamação da ativista cultural da palavra Jéssica Daiana e do poeta, pajador e compositor Zeca da Silva. A noite também contou com a presença da coordenadora da 22ª Região Tradicionalista Carla Elisa Behs.

Em sua fala de saudação inicial o patrão do CTG O Fogão Gaúcho, Auro Paulo Sander, falou da alegria em comemorar a volta dos eventos presenciais. “Estamos felizes em receber a Jurema Chaves aqui, por podermos fazer esta homenagem a ela aqui, retornando às programações presenciais. É uma alegria receber vocês nesta noite cultural e comemorativa. O CTG O Fogão Gaúcho é um galpão de porteira aberta e todos podem chegar”, destacou.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s