Retrospectiva 2020: conquistas e momentos felizes deste ano vividos pelos nossos leitores

2020 foi um ano tenso, difícil e de muitas mudanças. “Nem aí pro teu planejamento” chegou o vírus e virou de cabeça pra baixo a vida de todos tanto pessoal, profissional e emocionalmente. Ainda assim, não podemos considerar este um ano perdido. Se estamos aqui, vivos e perto de quem amamos, temos o que comemorar. Coloquei em minhas redes sociais o convite aos meus amigos e seguidores para que enviassem fotos e informações sobre as suas conquistas de 2020. E olha quanta coisa legal aconteceu!

O amor é (ou deveria ser) prioridade sempre. Os apaixonados Marcia Jardim e Lucas Flesch comemoraram seu primeiro ano de casamento no dia 05 de outubro. Na data, os noivinhos voltaram pra casa – tradição que indica bom presságio ao casal. Além disso, no casamento os convidados puderam deixar mensagens para que fossem lidas em diferentes anos – as do primeiro já foram!

E falando em amor… tem casal que está comemorando a chegada do baby. Roger e Diana Wagner estão à espera da já muito amada Renata. Em um clique descontraído eles contaram a novidade aos amigos!

E quem já comemora o amor nos braços é a Ellen Macedo Joner e o Rafael Linden Hübner. O baby Vicente chegou em janeiro e foi a melhor companhia e realização para o casal neste ano.

Quem também chegou em 2020 foi o pequeno Mark, filho da Vanessa e do Jonas Hörnig. Ele chegou antes do tempo previsto e deu um susto em todos. Forte e valente, ele venceu a UTI neonatal e no dia 06/12 foi batizado na presença dos dindos.

E falando em família… A Marina Elis Wolschick e o filho Bernardo comemoraram a conquista da casa deles. Tem alegria maior que ter o seu cantinho cheio de amor?

Quando os filhos crescem, as conquistas deles enchem os pais de orgulho e felicidade, não é mesmo? A Ana Haubert e o Renato Pires da Silva celebraram a formatura na pré-escola da caçula Lívia, na Escola Oficina do Saber. A alegria foi compartilhada também com o mano Bernardo.

Ah, a felicidade de uma formatura é indescritível. Quem está vivendo este momento é a Karen Andrade, que está concluindo o curso de Publicidade e Propaganda, na Faccat. No dia 21 de dezembro ela apresentou o seu TCC e agora está pronta para receber o diploma!

Foto: Analu Arnold e Ivan Oscar

Ainda no campo da educação, a Vanessa Spindler agora é Mestre! Ela concluiu em 2020 o Mestrado Profissional em Ambiente e Sustentabilidade na Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (Uergs), Unidade Hortênsias com sede em São Chico. Parabéns!

Comemorar aniversário também foi diferente em 2020. A Thaila Carolina Conradt investiu em um ensaio fotográfico para marcar seus 17 anos. Felicidade para ela e sua família.

A Isabel Dier é só gratidão! Ela concluiu duas formações (Facilitadora em Constelação Familiar e Pós-graduação em Psicologia Positiva) e criou o Espaço Harmonizeser, ajudando pessoas a conhecer e entender o sistema onde está inserido, aprendendo a enxergar qual é o lugar de cada um. Este ano ela escreveu um artigo sobre o tema que foi publicado aqui no Drops.

Quem também comemora novidades na vida profissional é a jornalista Renata Martins. Em 2020, ela conquistou seu emprego dos sonhos e se tornou Head de Performance na agência Moove, em Porto Alegre. Isso em meio a uma pandemia, uma separação e uma mudança de apartamento.

A jornalista Daiana Silva considera que tirar planos do papel, em meio a uma pandemia, parecia uma loucura. Mas, mesmo com um cenário de poucas perspectivas foi possível tornar o Grupo Eu Tomo Chimarrão mais atrativo e profissional. Criada há 10 anos, no Facebook, a comunidade ganhou em 2020 uma identidade visual e os participantes tiveram a possibilidade de adquirir kits de cuia e bomba com a logomarca que representa o amor e a união de quase 50 mil pessoas pelo chimarrão.

Se o ano exigiu mudanças e coragem, a Franciele Vargas aproveitou para transformar uma paixão em um negócio na internet. Ao lado da prima e da irmã, ela criou o Bendita Comida, um canal no YouTube com receitas deliciosas, fáceis e bem reais.

Os profissionais da música também precisaram se adaptar. As lives foram uma das formas encontradas de seguir na ativa e em contato com seu público. O Giacomo Velasques participou de várias e realizou algumas suas também.

Em tempos de reinvenção, a Érica Ostrowski também precisou adaptar e reorganizar seus treinamentos e palestras. O desafio a fez comprovar que sua mensagem positiva para empoderar mulheres pode ir mais longe e atingir mais público com o uso da internet. Ela comemora um dos treinamentos que realizou, atingindo mais de 2 mil expectadoras.

Membro da diretoria da Apae de Igrejinha, Sheila Aline Dellai Bastos recebeu um novo desafio. Ela foi convidada pela Confederação das Apaes a representar as famílias da sexta região das Apaes. Ela ficou super orgulhosa e honrada e agora, juntamente com mais um pai, representará o município.

Completando 15 anos de existência em 2020, a Right Way ganhou uma nova marca, mais descontraída e cheia de personalidade, e a digitalização dos processos – inclusive das aulas em alguns casos. O clique enviado pelo Yuri Ribeiro, diretor da Right Way de Parobé é para celebrar as mudanças – inclusive de endereço (Rua Cel. João Correa, 239, Centro). Sob o seu comando, esta é a primeira unidade franqueada da escola de idiomas com origem em Igrejinha. Piloto neste modelo de negócio, os planos precisaram ser adaptados antes de alçar voos maiores. Mas 2021 vem aí e aí o mundo é grande demais para se limitar!

Na localidade de Boa Esperança, em Rolante, o ano foi intenso! Em setembro de 2020 o projeto Boa Esperança – Colonização e Evolução completou 3 anos de história, de pesquisa e de lindos registros sobre a cultura dos descendentes de imigrantes italianos na comunidade. O grupo lançou o livro de receitas coloniais italianas da comunidade de Boa Esperança e o livro de orações italianas da comunidade de Boa Esperança.

O Escritório Municipal da Emater/RS-Ascar lançou o livro “Resgate de Receitas das Famílias Rurais de Igrejinha/RS”. Em 2018 surgiu a ideia de criar um livro que resgatasse as tradicionais receitas das famílias do interior do município. Patrocinada pelo SICOOB e Secretaria de Turismo, Cultura e Desporto do Município de Igrejinha, a obra é uma forma de deixar esta vivência registrada, para que as receitas possam ser reproduzidas novamente e simboliza o fruto de um trabalho de extensão continuada que traduz satisfação e o envolvimento das famílias rurais. Em outubro deste ano, as líderes dos grupos de mulheres receberam um exemplar do livro e, em 2021, devem ser entregues para todas as integrantes destes.

Em novembro, as empreendedoras Greice Oliveira e Kariane Lindenmeyer uniram suas expertises e seus negócios e criaram o Low.ka Brechó – Venda e Aluguel. Moda sustentável!

Em dezembro – mas com atrações também nos meses anteriores – aconteceu a Feira Cultural e Literária de Três Coroas. Em formato on-line, o evento colocou a inclusão e a diversidade com a arte na vitrine. Sucesso de atrações e de público!

Que 2021 seja um ano de muitas conquistas pra ti! E aqui, neste espaço, vamos querer contar elas. Vem comigo?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s