Natura será a primeira empresa a usar tecnologia de cheiro digital

Cerca de 52% dos mais de dois bilhões de itens comercializados por venda direta no Brasil no ano passado foram representados por produtos de perfumaria, cosméticos e de cuidados pessoais, de acordo com a Associação Brasileira de Empresas de Venda Direta (ABEVD). Uma das maiores neste segmento é a brasileira Natura e, por causa da força desse setor – que possui mais de 4 milhões de empreendedores e recebeu ainda mais revendedores por causa da pandemia de Covid-19 – está buscando, através de inovações tecnológicas, fomentar ainda mais esse mercado. A empresa é a primeira cliente da startup brasileira Noar e o seu revolucionário MultiScent 20. Com ele, o usuário terá um demonstrador digital de fragrâncias controlado por meio de um aplicativo.

E como funciona?

O aparelho permite experimentar 20 fragrâncias diferentes por inúmeras vezes, substituindo cada refil após 100 disparos. O acesso ao catálogo é feito por meio do escaneamento do QR Code que fica localizado no MultiScent 20.

Uma vez que o MultiScent 20 trabalha em uma plataforma conectada, é possível coletar dados de navegação, experimentação e compra, aplicando análises de Big Data e Data Science às informações coletadas. Isso vai permitir à empresa conhecer melhor a taxa de conversão das fragrâncias experimentadas, preferências e comportamentos regionais, aspectos relacionados a sazonalidade, entre outros.

Acelerar o processo de transformação digital

Por estar na vanguarda das vendas diretas e da indústria de perfumaria e cosmética, a Natura desde cedo reconheceu a necessidade de se estabelecer no universo digital. Roseli Mello, Head Global de P&D da Natura, afirma que o MultiScent 20 representará a oportunidade de contribuir para a aceleração do processo de transformação digital nos canais da empresa. “O novo device é uma ferramenta de venda diferente de todos os tipos de amostragem disponíveis. O fato de ser uma experimentação por meio de um cheiro seco que não espalha resíduos no ar, permite que clientes experimentem mais perfumes”, argumenta Roseli.

Conectada com a experiência do MultiScent 20, a Natura irá oferecer um questionário que analisará as preferências dos clientes e que permitirá a recomendação personalizada de perfumes. A executiva explica que essa inovação deverá chegar ao varejo e para as consultoras de beleza até o final do ano, no Brasil e América Latina.

Cláudia Galvão, CEO da Noar, com o MultiScent 20. Foto: Flavio Rodrigues

Do Brasil para o Brasil

Roseli destaca ainda a importância de a tecnologia ter surgido a partir de uma inovação de uma startup brasileira que possui liderança feminina. E para a CEO da Noar, Cláudia Galvão, a parceria traz muita credibilidade para a nova tecnologia. “Apresentar a tecnologia do cheiro digital para o mercado com a Natura, que é líder do segmento, significa uma chancela muito importante e valida a importância que essa inovação tem ao apresentar soluções para o setor”, finaliza.

2 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s