Era uma vez no Natal…

Era uma vez no Natal… As crianças aguardavam ansiosas a chegada do famoso “Bom Velhinho”. Bem, quem se apresentou não parecia ser um velhinho muito bom… Aquela máscara na verdade assustava, estava mais para figurante de The Walking Dead… Mas esse receio inicial logo seria superado, a partir do momento em que balas e doces foram jogadas e as crianças puderam, numa disputa quase suicida, sair atrás das guloseimas… Roupas sujas, alguns arranhões, choro. Quem nunca passou por isso?

Era uma vez no Natal Im 2

Natal também é tempo de reconciliação, e aí aquele familiar ou parente com quem você mantém distância segura em todos os demais dias do ano, na noite de 24 de dezembro, se “torna” um velho amigo. Conversa vai, conversa vem, alguém cometerá alguma gafe ou fará algum comentário maldoso suficiente para reativar as antigas rusgas. Importante é passar incólume pela Ceia… de barriga cheia a discussão será mais prazerosa.

E os comerciais de final de ano?! Mas que maravilha! Tudo em Santa Paz, comércio tranquilo, consumidores idem, lindas árvores natalinas enfeitadas com lindos apetrechos decorativos, todos novos e reluzindo de tão brilhantes. A realidade é muito mais desafiadora, o legal é tirar o pinheiro do fundo da despensa ou de dentro do armário e fazer uma aposta de quanto tempo se levará para desentortar os “galhos”. Ou se dar conta que dos três reis magos, dois perderam as cabeças de resina. Se você tiver animais de estimação em casa, especialmente gatos, o presépio certamente terá a presença de animais vivos.

Era uma vez no Natal Im 3

Não se pode esquecer do famigerado amigo secreto. Certamente você comprará um presente melhor, pensando na felicidade de quem receberá o seu mimo. E você recebe aquele belo pacote, porém com uma camiseta que te faria ser reconhecido a pelo menos 2 km de distância, juntamente com um cartão escrito: “comprado com carinho pensando em você”. Ou um kit com três pares de meia que em breve serão excelentes panos para encerrar o carro. Melhor torcer para seu amigo ser o mais rápido possível na revelação.

Durante todo ano, as crianças são orientadas a se comportarem para que o Papai Noel traga o tão sonhado presente. E quando chega o esperado pacote, a surpresa é enorme. Porque de original aquele boneco não tem nada, nem numa farmácia se conseguiria um produto tão “genérico”.

Com certeza esses “Natais da vida real” tem muito mais emoção do que aqueles da ficção ou da TV. Natal de verdade tem de tudo um pouco: tem esperança, tem antigas desavenças, tem reconciliação, tem perdão ou nariz torcido. Tem uva passa (e como tem), tem salada de maionese, pudim, doce pintado e até mesmo aquele doce de abóbora (horrível, é verdade, mas ninguém se arrisca a dizer). Tem o sobrinho maníaco por bombinha e foguete, tem o cachorro que uiva o tempo todo, tem o pinheirinho enfeitado com luzes pisca-pisca que funcionam de forma desordenada e capazes de hipnotizar qualquer um.

Porque assim são nossos Natais, justamente por ocorrerem com pessoas normais e até mesmo com as excêntricas. Sempre teremos histórias, sempre haverá “era uma vez num Natal…”

2 comentários

  1. Assim são nossos “Natais”, de fato.
    E haverão aqueles, nos quais faltarão presencas queridas, deixando uma imensa saudades de todas as confusões dos anteriores.
    E a gente aprende a valorizar a sugestiva união que a data promove. Um abraço amigo, feliz tempo de Natal!

    Curtir

    • Cláudia Marin, tuas reflexões são por si só uma belíssima mensagem de Natal. Sim, as “confusões” são vida, são acontecimentos, são marcas! Que todos sejamos abraçados por solidariedade, por risos e esperança!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s