Entrevista com o Dr. Fábio Strauss, médico taquarense e Membro Titular do Colégio Brasileiro de Cirurgiões

Uma das maiores honrarias que um médico cirurgião pode conquistar é ser Membro Titular do Colégio Brasileiro de Cirurgiões. Em outubro deste ano, o Dr. Fábio Strauss, de Taquara, tomou posse no grupo, em solenidade realizada na Universidade de Santa Cruz do Sul (UNISC). A conquista do título exige a formação de cirurgião geral especialista e leva em conta a análise curricular do profissional, incluindo atividades científicas, participações em congressos e cursos de formação. Assim, a distinção reconhece os mais qualificados cirurgiões. O Colégio Brasileiro de Cirurgiões é a maior entidade de Cirurgiões da América Latina, possuindo membros em várias categorias, desde acadêmicos, aspirantes, membros adjuntos e até titulares.

Strauss formou-se em Medicina na Ulbra, em 2002, é Especialista em Cirurgia Geral pelo Colégio Brasileiro de Cirurgiões, Pós-graduado em Urgência e Trauma e em Cirurgia Minimamente Invasiva, ambas  pelo IEP Hospital Moinhos de Vento. Atualmente, é Membro da Sociedade Brasileira de Endoscopia Digestiva e, agora, Membro Titular do Colégio Brasileiro de Cirurgiões. Possui consultório em Taquara (Rua Federação, 2810, Centro) além de atender no Hospital Bom Pastor de Igrejinha e Hospital de Sapiranga. Seus principais procedimentos são Colecistectomia (cirurgia da vesícula), Cirurgia da Hérnia Inguinal, Cirurgia do Refluxo (Hérnia de Hiato), Cirurgia Bariátrica e Balão intragástrico.

drfabiostrauss2

Confira entrevista com o médico:

Drops do Cotidiano: Por que escolheu a Medicina?
Fábio Strauss:
Realmente, não houve um motivo específico. Meus pais e nenhum outro familiar próximo eram da área. Não cresci neste meio, como é muito comum no desenvolvimento de outros médicos. Mas na fase da adolescência, foi uma profissão que despertou atenção especial. Resolvi, então, me preparar para o vestibular de Medicina, mas sem uma explicação definida.

D: Qual tua principal satisfação como médico?
F: A satisfação de poder ajudar alguém é algo indescritível. Depois que realizo uma cirurgia e o paciente me agradece, dizendo que não sente mais as dores e/ou desconfortos que sentia, é uma sensação maravilhosa. Poder ajudar alguém a melhorar a qualidade de vida e a autoestima, me traz um bem-estar muito grande. Faz valer a pena os anos e anos de estudo e dedicação.

D: Como foi o processo de avaliação para tornar-se membro titular do Colégio Brasileiro de Cirurgiões?
F: Para ser um Membro Titular é preciso ter no mínimo seis anos de formação e o currículo do candidato é analisado detalhadamente, devendo atingir no mínimo 80 pontos de uma avaliação específica. Nessa avaliação, contam títulos de especialista, participações em congressos e em cursos de capacitação, pós-graduações, publicações médicas, entre outros.

D: O que significa, para você, receber esse título?
F: É uma satisfação muito grande. Representa o reconhecimento do trabalho sério que realizo, com extrema dedicação aos meus pacientes.

D: Quais teus próximos objetivos na profissão?
F: Meu objetivo é continuar estudando sempre e cada vez mais. Acredito que quem escolhe essa profissão não deve nunca sair da sala de aula, pois tudo está em constante mudança. A verdade de hoje pode não ser a verdade de amanhã. Tudo é baseado em estudos sérios e protocolos científicos, e sempre quero estar atualizado para oferecer o que tem de melhor e mais moderno para aqueles que me procuram e confiam em meu trabalho.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s