Escritora Roseli Santos é convidada de bate-papo na Manas Livraria

A escritora e jornalista Roseli Santos estará na Manas Livraria, em Igrejinha, na próxima quarta-feira, dia 24 de abril. Ela participará de um bate-papo sobre a seu livro A Caixa das Palavras, lançada em 2018. O encontro literário inicia às 19h30, é gratuito e aberto ao público. A atividade faz parte das ações do Clube de Leitura da Manas Livraria, coordenado pela proprietária Narete Santos. A obra traz uma coletânea de crônicas escritas durante mais de uma década.

A autora celebra o momento, por saber da importância do Clube da Leitura, já reconhecido pela bagagem importante de obras analisadas. “Me sinto grata por terem escolhido meu livro, que é uma obra eclética de crônicas para todos os gostos”. Para ela, os momentos de troca com o leitor sempre contribuem muito. “São muito enriquecedores, em todos os sentidos, e nos permitem evoluir para melhorar os textos e para termos um feedback direto, olho no olho com o público, o que nem sempre é possível em tempos tão virtuais, onde não sabemos quem lê nossa obra e nem o que pensam os leitores. Esses encontros são fundamentais para o escritor ter este retorno”.

Roseli

Um compromisso de lazer

O Clube da Leitura é um projeto onde os participantes leem um livro a cada mês e, em um encontro presencial, debatem sobre as suas percepções sobre o mesmo. “Não tem um estilo de livro definido, por isso variamos bastante entre clássicos, novidades, ficção, poesia… Queremos despertar a leitura, proporcionar o contato com outros estilos e interagir com pessoas sobre as obras”, explica Narete.

Para cada obra lida, é realizada uma programação para fechar o ciclo. Por isso, é essencial que todos levem a sério a proposta do grupo. No dia do encontro, todos devem ter lido o livro e terão espaço para falar sobre. “Pode ser um passeio ou uma atividade que tenha a ver com algo da leitura, um debate entre os leitores ou conversa com o autor. A ideia é que seja dinâmico e interessante”. Atualmente, 15 pessoas integram o grupo, sendo profissionais de diferentes áreas. “Limitamos o número para garantir a qualidade das conversas  e aprendizado. Quando uma pessoa sai, outra entra no lugar, e assim o projeto se renova. Temos fila de espera”, conta Narete.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s