Oscar 2019: “Green Book” leva Melhor Filme e “Bohemian Rhapsody” é quem conquista mais estatuetas

A noite de premiação do Oscar 2019 foi marcada por discursos cheios de representatividade, além de emoção em diversos momentos, e teve os prêmios bem divididos entre as produções. A cerimônia de premiação foi realizada ontem (24), em Los Angeles, promovida pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas.

De um lado, houve a consagração de favoritos, como a vitória de “Shallow” como Melhor Canção Original, e de Rami Malek como Melhor Ator por Bohemian Rhapsody. De outro, também houve surpresas nas nomeações: O Primeiro Homem, desbancou os  Vingadores: Guerra Infinita na categoria Melhores Efeitos Visuais, Olivia Colman (A Favorita) venceu melhor atriz contrariando as premiações do cinema anteriores que elegeram Glenn Close (A Esposa).

Destaques da premiação

Green Book – O Guia“, que levou o maior prêmio da noite, sendo considerado pela Academia o Melhor Filme. Mesmo envolto em polêmicas (a família de Don Shirley afirmou que relacionamento retratado no longa nunca existiu; descoberta de comentários antigos ofensivos do roteirista Nick Vallelonga) ele desbancou Pantera Negra, Roma e Bohemian Rhapsody, que faziam mais a cabeça dos comentaristas e do público.

oscar-greenbook
“Green Book” recebe estatueta de Melhor Filme no Oscar 2019 — Foto: Chris Pizzello/Invision/AP

O mais premiado desta edição foi Bohemian Rhapsody, com quatro categorias: Melhor Montagem, Melhor Edição de Som, Melhor Mixagem de Som e Melhor Ator, para Rami Malek. Dividindo os prêmios entre as produções, três delas receberam três estatuetas cada: Pantera Negra (Melhor Figurino, Melhor Design de Produção, Melhor Trilha Sonora), Roma (Melhor Fotografia, Melhor Filme em Língua Estrangeira e Melhor Direção, para Alfonso Cuáron) e Green Book – o Guia (Melhor Ator Codjuvante, para Mahershala Ali, Melhor Roteiro Original e Melhor Filme).

oscar atores
Rami Malek, Olivia Colman, Regina King e Mahershala Ali com as estatuetas conquistadas por suas atuações. Foto: Getty Images

A noite foi marcada por alguns recordes não individuais, mas extremamente importantes para o contexto social. Esta foi a edição com o maior número de prêmios para profissionais negros (7 estatuetas) e para mulheres (15) em toda história da premiação.

Discursos envolventes

Temas em voga nos debates em todo o mundo estiveram nas palavras de alguns vencedores. Foi o caso de Rami Malek, que interpretou no cinema o lendário Freddie Mercury e pontuou: “Fizemos um filme sobre um homem gay e imigrante que viveu sua vida sem pedir desculpas. E seu sucesso é a prova de que as pessoas querem ver isso“, em sua fala, ele ainda lembrou sua origem também de família imigrante. “Sou filho de imigrantes do Egito, de primeira geração. Parte da minha história está sendo escrita agora. E não poderia ser mais grato a todos que acreditaram em mim.”

oscarrami-malek
Rami Malek em seu discurso após receber o Oscar de melhor ator por ‘Bohemian Rhapsody’ — Foto: Mike Blake/Reuters

A frase da cineasta americana de origem iraniana Rayka Zehtabchi, promete ficar marcada na história da premiação como uma das mais impactante e empoderadas. “Não acredito que um filme sobre menstruação ganhou o Oscar“, disse emocionada. Ela é diretora do vencedor do Oscar de Melhor Documentário Curta-Metragem, Absorvendo o Tabu. Ao lado da produtora Melissa Bertone, ela lembrou que em lugar algum as Índia as meninas devem parar de estudar por algo tão natural quanto a menstruação. Vale lembrar aqui também que a premiação valoriza uma produção de fora dos grans centros e temas do cinema internacional, mostrando ainda mais a força do trabalho.

oscar period.-end-of-sentence
Rayka Zehtabchi e Melissa Berton conquistam estatueta de Melhor Documentário Curta-metragem por ‘Period. End Of Sentence.’ — Foto: Mike Blake/Reuters

Em meio a muitas lágrimas, Lady Gaga subiu ao palco para receber o Oscar de Canção Original por Shallow. Ela destacou o esforço no trabalho e a importância de persistir. “Se você está em casa, no seu sofá, assistindo a isso, tudo o que eu tenho a dizer é que esse é um trabalho duro. Eu trabalhei duro por muito tempo para chegar até aqui. Não é sobre ganhar, é sobre não desistir. Se você tem um sonho, lute por ele. Existe uma disciplina. Não é sobre quantas vezes você foi rejeitado, caiu e teve que levantar. É quantas vezes você fica em pé, levanta a cabeça e segue em frente“, declarou.

oscarlady-gaga-palco-shallow
Lady Gaga, Mark Ronson, Anthony Rossomando e Andrew Wyatt recebem o Oscar de Melhor Trilha Original por ‘Shallow’ em ‘Nasce uma Estrela’ — Foto: Mike Blake/Reuters

Confira a lista completa dos vencedores:

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE: Regina King, Se a Rua Beale Falasse

MELHOR MAQUIAGEM: Vice

MELHOR DOCUMENTÁRIO: Free Solo

MELHOR FIGURINO: Pantera Negra

MELHOR MONTAGEM:Bohemian Rhapsody

MELHOR DESIGN DE PRODUÇÃO: Pantera Negra

MELHOR FOTOGRAFIA: Roma

MELHOR EDIÇÃO DE SOM: Bohemian Rhapsody

MELHOR FILME EM LÍNGUA ESTRANGEIRA: Roma, México

MELHOR MIXAGEM DE SOM: Bohemian Rhapsody

MELHOR ATOR COADJUVANTE: Mahershala Ali, Green Book – O Guia

MELHOR ANIMAÇÃO: Homem-Aranha no Aranhaverso

MELHOR CURTA ANIMADO: Bao

MELHOR DOCUMENTÁRIO EM CURTA METRAGEM: Absorvendo o Tabu

MELHOR CURTA METRAGEM DE FICÇÃO: Skin

MELHORES EFEITOS VISUAIS: O Primeiro Homem

MELHOR ROTEIRO ADAPTADO: Infiltrado na Klan

MELHOR ROTEIRO ORIGINAL:Green Book – O Guia

MELHOR TRILHA SONORA: Pantera Negra

MELHOR CANÇÃO ORIGINAL: “Shallow”, Nasce uma Estrela

MELHOR ATOR: Rami Malek, Bohemian Rhapsody

MELHOR ATRIZ: Olivia Colman, A Favorita

MELHOR DIREÇÃO: Alfonso Cuáron, Roma

MELHOR FILME: Green Book – O Guia

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s