Concurso Interno Coletivo da 22ª Região Tradicionalista começa nesta quinta-feira e segue até sábado

Declamações, cantorias, provas de galpão, mostra cultural e muito mais. A tradição gaúcha estará em evidência, nos próximos dias, na 22ª Região Tradicionalista. Os corações de 47 jovens e crianças tradicionalistas estarão pulsando mais forte e a torcida de seus familiares será grande. A partir desta quinta-feira, 21 de outubro, ocorrerá o Concurso Interno Coletivo de Prendas e Peões. Dele sairão os novos representantes das entidades tradicionalistas da região, e neste ano, a ação chega a sua 13ª edição. “O primeiro concurso interno coletivo foi idealizado pelo nosso ex-coordenador José Roberto Fischborn (in memoriam), em 2007. Desde então, a forma das entidades escolherem suas prendas e peões passou a ser no mesmo dia, numa grande integração. Antes era separado. Cada entidade fazia o seu próprio concurso interno em datas diferentes”, explica a atual coordenadora da 22ª RT, Carla Elisa Behs.

Três dias de muito conhecimento sobre a Cultura Gaúcha

O 13ª Concurso Interno Coletivo de Prendas e Peões da 22ªRT será de 21 a 23 de outubro. A primeira tarefa dos participantes concorrentes será a prova escrita, que ocorre nesta quinta-feira, 21, na sede social do CTG “O Fogão Gaúcho”, em Taquara, onde também acontecerá na sexta-feira, dia 22, a Mostra Folclórica para as prendas, e a Prova de Galpão para os peões. Em ambos dias, as provas ocorrerão a partir das 20 horas.  Já no sábado, dia 23, as prendas e peões concorrentes terão um dia cheio. A integração, que será no CTG Passo dos Tropeiros, em Rolante, começará às 7h30min, com o Café da Manhã Coletivo e as 8h30min iniciará as provas artísticas. “O resultado não sai no mesmo dia. Após as provas dos três dias, o resultado final será divulgado por cada entidade tradicionalista, que organiza uma data para fazer o cerimonial de entrega das faixas e crachás para as prendas e peões vencedores”, salienta a coordenadora Carla.

Este ano, participam do Concurso Interno Coletivo prendas e peões do CTG Tauras da Colina (Igrejinha); CTG Querência Azaléia (Parobé); CTG Sangue Nativo (Parobé); CTG Pé da Serra (Riozinho); CTG Passo dos Tropeiros (Rolante); CTG Essência Gaúcha (Taquara); CTG O Tropeiro Frederico Trott (Três Coroas).

Um pouco do Concurso Interno Coletivo

O primeiro Concurso Interno Coletivo da 22ªRT foi em 2007, idealizado pelo José Roberto Fischborn (in memoriam), em seu primeiro ano de mandato como coordenador da região. Na época, a diretora cultural era a tradicionalista Sílvia Gelinger, que junto com José Roberto, expandiram o projeto. A primeira edição aconteceu no CTG Sangue Nativo, em Parobé. De acordo com a esposa de José Roberto, Edna Fischborn, com o passar dos anos, este modelo de concurso interno coletivo serviu de exemplo para outras regiões, que passaram a realizar deste formato também. Devido à pandemia, a edição de 2020 foi cancelada.

*Foto: Divulgação/22ªRT – Edições anteriores

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s