Como fazer uma renda extra?

Na atualidade, existem muitas maneiras de ofertar serviços e produtos e, com isso, a possibilidade de formar uma renda extra, especialmente com o advento da internet. Esta renda pode complementar seu salário ou até mesmo se mostrar mais rentável, ao ponto de substituir seu emprego anterior. Além disso, pode ser uma oportunidade de ampliar habilidades e possibilitar uma futura transição de carreira.

Algumas sugestões para ampliação da renda:

  • Horas extras: se houver demanda na empresa em que trabalha, é possível esticar o horário ampliando a jornada de trabalho;
  • Revender produtos: se você conhece produtos/marcas que confia e tem vontade de explorar sua veia comercial, pode se propor conciliar esta atividade com outro trabalho, ou mesmo fazer isto de maneira integral. Exemplo: produtos da área da beleza, chocolates, entre outros;
  • Fabricação de algum produto: ao ter alguma habilidade manual (artesanatos, confeitaria…) é possível dedicar-se a esta atividade algumas horas da sua semana e comercializar;
  • Consultoria e/ou mentoria: se você tem uma ‘expertise’ que pode colaborar para solucionar o problema de alguém, é possível ofertar a sua hora de trabalho. É possível utilizar as redes sociais para divulgar e também contar com indicações de clientes;
  • Freelancer ou freela: se você tem horários disponíveis e gostaria de prestar algum serviço para terceiros como profissional autônomo, outra opção é ofertar sua hora de trabalho em sites específicos para esta finalidade. Alguns exemplos: 
  1. Crowd: Nessa plataforma somente empresas com CNPJ podem contratar freelas, e elas pagam para ter um cadastro. As empresas costumam contratar pelo portfólio e não apenas pelo preço. Áreas: fotografia, redação, tradução, planejamento, design, áudio e vídeo, conteúdo, tecnologia e performance;
  2. 99 freelas: Uma plataforma conhecida nacionalmente com oportunidades para profissionais de diversas áreas, exemplo programador, redator, designer, desenhista, editor e tradutor… Se fechar negócio, o site fica com 10% do freela;
  3. Freelancer.com: é internacional, famosa e segura, o que faz com que a concorrência seja grande. Os tipos de trabalho são variados, abrangendo serviços de comunicação e TI, reformas, aulas, saúde, serviços domésticos… Você paga uma pequena mensalidade para fazer parte do cadastro deles;
  4. Getninjas: Aplicativo de serviços que não tem mensalidade, nem cadastro. Você fica com 100% do valor do serviço;
  5. Udemy: É uma plataforma de cursos onde você pode desenvolver um curso e ofertar. Você receberá proporcional ao número de alunos que contratarem o seu curso;
  6. Workana: É o maior site latino e tem cadastro gratuito, com algumas vantagens na conta premium.

Sempre avalie o custo benefício de criar alguma possibilidade de renda extra. Como mencionei no início do texto, também pode ser a oportunidade do desenvolvimento de novas habilidades e uma futura transição de carreira, claro que, se você gostar da área.

Compartilha esse material com seus amigos. Caso você tenha outros exemplos de atividade extra, divide com a gente aqui nos comentários. Vamos nos ajudar e criar uma grande rede de possibilidades.

Vou adorar te ver nas minhas redes @lulindencarreira, @carreiraskarnalelinden, no LinkedIn e no YouTube.

Forte abraço, paz e bem! Lu Linden.

2 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s