As 5 fases do luto durante a pandemia

Estive pensando nos últimos dias sobre o que eu gostaria de falar aqui. Escrevi e apaguei várias vezes essa introdução pensando como ficaria melhor. Preferi ir direto ao assunto!

Já que estamos no final do ano, eu resolvi analisar como esse ano afetou a maioria das pessoas. Buscando uma lente que pudesse me ajudar a ver como a pandemia influenciou nossos comportamentos, eu cheguei até as cinco fases do luto.

Não foi por acaso que eu fiz a relação a seguir. Na verdade, como nos últimos dias eu tenho falado bastante sobre relacionamentos no meu perfil do Instagram, esse é um assunto que estava já muito no meu foco. E um dia pensando sobre o aumento da procura por terapia nesse ano, eu percebi que esse padrão se repetiu com a maioria das pessoas.

Toda a perda significativa é um luto, não apenas quando alguém que você gostava muito morre, mas também quando você perde aquela vaga dos sonhos ou o amor da sua vida, você vai enfrentar o luto e com ele as suas cinco fases, que todos vão ou pelo menos deveriam passar.

E eu lamento muito por cada pessoa que perdeu alguém para esse vírus que ainda está aí. Ainda devemos nos cuidar, mas não foi só esse tipo de perda que muitas pessoas enfrentaram. Perdeu-se empregos, oportunidades, lazeres, contato humano, distrações, muitas situações que nos traziam recompensas foram simplesmente tiradas de uma hora para outra. Então a maioria de nós passou por um processo de luto coletivo, com fases muito semelhantes, mas cada um com seu tempo de acordo com sua própria história de vida.

Sad man holding head with hand

Se talvez você estiver preso em alguma delas, eu sei que não é fácil, mas reconhecer onde está já pode ajudar muito a saber como agir, mas caso ache muito difícil de lidar com isso sozinho, não tenha vergonha de procurar ajuda, principalmente de um profissional da saúde.

Então, vams falar um pouco de cada fase:

  1. Negação
    Quando a gente não quer aceitar o que aconteceu. Isso pode ser visto muito no início da pandemia, muitas pessoas duvidando que as coisas iam fechar ou então se convencendo de que logo ia passar, ia ser só alguns dias.
  2. Raiva
    Quando a gente entende que aconteceu e fica com raiva disso. Nessa fase eu vi muitas pessoas questionando e furando a regra do isolamento, jogando a culpa no governo, na mídia, em qualquer pessoa que pudesse, para não aceitar o fato em si.
  3. Barganha
    Aqui você tenta voltar atrás, ao estado anterior, à normalidade.
    Se eu usar máscara, álcool em gel, respeitar o distanciamento e sair só uma vez? Acho que dá né? Talvez haja uma maneira de voltar o comércio, as escolas, os eventos, etc. 
  4. Depressão
    Se a barganha não funcionou,então vem a tristeza. 
    Os setores que não puderam voltar, as pessoas que não conseguiram seus empregos de volta…, mesmo depois de toda a barganha, entram nesse estado. Mas eu percebo que alguns conseguiram fugir um pouco daqui. Muitas pessoas desrespeitando o isolamento, pularam da barganha de volta para negação e hoje a gente está colhendo os resultados disso.
    Mas quem conseguiu passar chegou então até a última fase.
  5. Aceitação
    Nesse momento a maior parte dos sentimentos negativos se foi, a situação toda vira uma lição e com esses novos recursos você pode seguir em frente.
    Quantos aprendizados a pandemia nos trouxe esse ano? Quantas pessoas conseguiram se reinventar? O quanto a gente aprendeu sobre a importância da presença, de aproveitar bem todos os momentos, de falar aquilo que queremos dizer porque podemos não ter a segunda chance?

Se você chegou até essa fase, parabéns, aprendeu muito, mesmo que ainda não reconheça. E se ainda não chegou, continue, ande no seu tempo, apenas continue caminhando, que uma hora irá chegar.

Como eu disse antes, talvez saber disso agora não vai te tirar da situação, mas pode ser uma luz para você saber qual o próximo passo a dar, qual a fase que virá a seguir.

Caso queira saber mais sobre essas fases ou como lidar com cada uma delas, pode me chamar no meu Instagram @samuelcunhaterapeuta. Lá eu ensino como utilizar esse conhecimento para superar o fim de alguns relacionamentos, através do Método Fênix, que foi desenvolvido exclusivamente para isso.

Espero que fique bem nesse final de ano, que possa iniciar o novo ciclo de 2021 com energia de renovação. 

Meus sinceros votos de feliz natal, um ótimo ano novo e um grande abraço.
Samuel Cunha

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s