Rolante desenvolve projeto de recuperação de mata ciliar em propriedades rurais

O Departamento de Meio Ambiente de Rolante deu início, no mês de junho, a um projeto de recuperação da mata ciliar. Com isso, está realizando diversos plantios junto a vegetação presente nas margens de córregos, arroios, rios, uma vez que esta desempenha um importante papel ambiental nos locais, considerados pela legislação Áreas de Preservação Permanente (APP).

Para garantir a parceria com donos de propriedades com APP, o Meio Ambiente está disponibilizando mudas de diferentes espécies de árvores e prestando acompanhamento técnico do projeto. “O projeto visa a recuperação das margens dos arroios através do plantio de espécies nativas, com prioridade para árvores que produzam frutos, que possam servir de alimento principalmente para pássaros e peixes. O departamento faz a doação das mudas e fará todo o acompanhamento técnico do projeto. Já o proprietário da área ficará de responsável pelo plantio e manutenção das mudas”, explica a bióloga Diouneia Berlitz.


Elemar Kozlowski recebeu em sua propriedade, na localidade do Rolantinho, Diouneia e o diretor do Departamento Diego Gossler, onde foram entregues uma segunda remessa de mudas que serão plantadas às margens de um arroio de 150 metros, que corta a propriedade de 14 hectares. Dentre as espécies doadas estão: pitanga, cereja, chal-chal, ingá-feijão, camboatá branco, angico, araçá, gabiroba, jerivá, aroeira salsa, figueira, açoita cavalo, palmito jussara, guajuvira, canela nativa, paineira.

Em meio ao inverno e um período de intensas chuvas, a parceria com o Departamento veio em boa hora para Elemar. “Se eles não me doassem, da onde eu vou tirar essas mudas? Tentei plantar algumas por conta, mas não pega. E com as cheias, se eu não tiver vegetação nas margens do arroio, a água leva o barranco todo embora” explica o proprietário, agradecido.

Como participar do projeto ou receber mudas

Interessados devem procurar o Departamento de Meio Ambiente, junto ao prédio da Prefeitura Municipal ou pelo fone 3547.1188 ramal 219, para que seja avaliada cada situação. A população interessada em plantar, seja em sua casa ou em área rural, também poderá solicitar mudas, porém não são doadas mudas para aquelas pessoas que necessitam fazer compensação ambiental, decorrentes de infrações ambientais ou de alguma autorização proveniente do Departamento.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s