Quais historinhas estou contando para mim mesma? Você tem problemas?

Quais historinhas estou contando para mim mesma?

Quando temos um problema, gostamos de escolher alguém para pegá-lo de nós, falar dele superficialmente, intensificá-lo, procurando os que acreditam que somos coitados ou procurando uma solução pequena e imediata para que possamos parar a dor e sentir logo o alívio e, de fato, esquecendo dele: o problema.

  • Aprendemos que quem é feliz não têm problemas. Será?
  • Ou será que quem consegue resolvê-los é feliz?
  • Como é a minha motivação para resolver um problema?

Não enfrentar, adiar, enrolar, fazer de conta, mostrar para os outros que eu não tenho problemas.

Algumas histórias que contamos e porque contamos, quando temos algum problema:

  • Coitada de mim!
  • Eu não mereço isso!
  • Vão pensar que eu sou fraca!
  • Eu não vou suportar!
  • O que eu fiz para merecer isso?
  • E se?

Mas é que…

Todo o problema precisa ser aceito primeiro, para daí buscar a sua solução. Enquanto negarmos não acharemos esta saída!

Contamos estas historinhas para nos protegermos, ficarmos na nossa zona de conforto, com medo dos julgamentos e adoramos nos sentirmos coitados e vítimas.

Por quê o caminho para a solução sempre parece tão difícil e doloroso quando poderia ser tão mais simples e direto?

Sempre a solução já está no nosso pensamento e vamos buscá-la onde ela não pode ser encontrada.

Aprendemos a dar mais valor à imagem que estamos passando do que ao que realmente importa, que é nosso compromisso de sermos verdadeiros com a gente mesmo.

02
Desde que me tornei uma mãe mais presente e tendo vivido no momento presente, temos debatido alguns assuntos bem interessantes em torno de problemas:
Nãos da vida precisam ser ditos aqui em casa primeiro;
✓Será que estamos fazendo o nosso melhor?
✓ Pensamentos a respeito das nossas atitudes e como garantir que a próxima vez seja de forma mais assertiva;
✓De como nós podemos e devemos resolver o que e com quem precisa, a fim de não terceirizar para outro;
E como eles dizem: “Uma boa mãe não é uma mãe boa!”
01
Se a gente não está satisfeito com a nossa vida, que a nossa realidade apresenta, cabe a nós melhorarmos isso, resolvendo nós os nossos problemas.
E não pegar para nós o que não é nosso, principalmente eles: os problemas!
Somos responsáveis pela realidade que vivemos!
É preciso buscar dentro o que me incomoda fora!
É preciso força e coragem para encarar de frente o que precisa ser resolvido de forma simples e direta.
Entender que eu não estou resolvendo algumas questões na minha vida, já é o primeiro passo para resolver!
Seja você a mudança que quer ver no mundo” Mahatma Gandhi

Pare de contar historinhas para te proteger e vai resolver os teus problemas!

 

Com problemas para resolver, Muri Coach
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s