Tudo não passou da expectativa que eu mesma criei e o jeito diferente de dizer te amo…

Quantas expectativas criamos nos nossos relacionamentos? Criamos histórias irreais na nossa mente com tudo e com todos. Na nossa cabeça, imaginamos o jeito da pessoa e  que ela deva ser da forma que fica bom pra gente e que deve agir assim ou assado, porque é melhor para ela. Mas… é melhor para ela ou para mim?

Traçamos planos para cada uma das pessoas com quem a gente se relaciona e queremos que sigam nos caminhos que a gente imaginou.

Criar expectativas é abrir mão da nossa liberdade e também da dos outros.

Na maioria das vezes, quando entendemos que NÃO temos o poder sobre a vontade e o livre arbítrio do outro, já é tarde!

Tarde para um namoro, um casamento, uma amizade, um emprego, um negócio que poderiam ter dado certo.

Sempre que eu estiver preocupada com o outro, haverá frustração, afinal eu só posso ter controle e cuidar da minha vida! A gente cria pré-conceitos sobre o outro pela nossa vivência e pela expectativa que nós mesmos depositamos no outro. Isso quando não achamos que o mundo gira em torno da gente, que as pessoas precisam nos servir, fazer as nossas vontades.

formas de amor 02

Que pesado! Isso tira a liberdade do outro! Isso aprisiona o outro no molde que criamos na nossa expectativa para ele.

Exigimos que o outro só faça algo que nos agrade e que nos trate da melhor forma ou como nós o tratamos. Mas não somos iguais e precisamos aceitar isso!

Se aprendermos a não criar mais as expectativas, então aprendemos a viver de uma forma mais leve, porque tudo o que acontecer, me satisfará. O que quer que seja.

Não haverá mais a frustração, porque, em primeiro lugar, eu não mais esperei. Aceitando o desconhecido  o que quer que aconteça. Agradecendo por tudo o que aconteceu e se doeu foi porque, talvez, eu precisava aprender algo.

Cada um têm a sua própria história, então precisamos evitar criar roteiros para os outros. Todos somos livres para pensar, falar e agir.

Não calçamos o sapato do outro, portanto todo julgamento é sempre prematuro.

formas de amor 01

O jeito diferente de dizer te amo.
Quantas expectativas criamos nos nossos relacionamentos mais amorosos até entender o jeito que cada um se expressa. Entender que:

  • O jeito de dizer te amo da minha mãe é fazer comida e trazendo conforto para as nossas vidas;
  • O jeito de dizer te amo dos meus filhos é responder também te amo mãe, não querer mais beijo no rosto e muito menos pagar mico com coisas que antes eles achavam o máximo;
  • O jeito de dizer te amo do marido é dizer te amo, mas não quer me dar um apelido carinhoso, como eu dou para ele;
  • O jeito de dizer te amo do meu irmão é me cobrando para sempre ir além, porque para ele, ele continua sendo o irmão mais velho;
  • O jeito de dizer te amo da minha sogra é sentar com ela para tomar chimarrão e conversar;

Que a gente possa NÃO gerar mais expectativas e entender os jeitos diferentes de dizer eu te amo de cada um!

Com mais compreensão Muri Coach ♥️

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s