Acadêmicos de Direito da Faccat realizam viagem de estudos a Brasília

Um grupo de 26 alunos do curso de Direito das Faculdades Integradas de Taquara (Faccat) participou de uma importante viagem de estudo em Brasília, capital federal. Na bagagem de volta trouxeram muita experiência e aprendizado.  Sob a orientação dos professores Miriam Helena Schaeffer e Jones Mariel Kehl, os acadêmicos puderam vivenciar um pouco da rotina dos profissionais dos órgãos públicos. “A visita técnica é importante para o enriquecimento do aprendizado de nossos acadêmicos. É um complemento das atividades das disciplinas de Direito Processual e Prática processual, que tratam, entre outros assuntos, dos recursos aos tribunais superiores”, explica o coordenador do curso de Direito, José Alcides Renner.

A viagem de estudos ocorreu de 20 a 24 de maio. Um dos pontos altos da viagem aconteceu durante a visita ao Ministério da Justiça e Segurança Pública, onde os acadêmicos foram recebidos pelo ministro da Justiça, doutor Sérgio Moro.

Nova leitura do mundo jurídico
Na avaliação do professor Jones Kehl, a viagem de estudo aos tribunais superiores, promovida pela Faccat, foi importante pois permitiu ampliar a visão dos alunos para uma nova leitura do mundo jurídico (e político), por ter proporcionado aliar o aprendizado teórico e prático ao lúdico, auxiliando na formação humanística, geral e específica dos estudantes. “A visita possibilitou o reconhecimento, por parte dos graduandos, de que os conteúdos adquiridos e de que as habilidades e as competências desenvolvidas no ambiente acadêmico, em sala de aula, possuem um propósito, posto que, em Brasília, os conteúdos foram discutidos nos julgamentos a que assistimos, cujas habilidades e competências deles cobradas foram exigidas dos atores envolvidos nas diversas instituições visitadas”, destaca Kehl.

curso de direito - conselho nacional

Vivência prática
Além disso, na observação do professor Jones Kehl, enquanto proposta pedagógica, a viagem de estudo a Brasília teve por meta auxiliar o aluno na compreensão prática do arcabouço teórico apreendido em sala de aula a partir da formação geral. “Permite-se, por meio da visita técnica, que a formação técnico-jurídica, com enfoque dogmático, possa ser transposta à formação prático-profissional, possibilitando a integração entre a prática e os conteúdos teóricos desenvolvidos ao longo da formação do aluno”, sintetiza.

Já na avaliação da professora Miriam Helena Schaeffer a vivência prática aos conhecimentos teóricos obtidos em sala de aula é de grande relevância na formação do profissional do Direito. “Com a visita os alunos puderam observar “in loco” como os Recursos Especiais ao STJ, os Recursos Extraordinários ao STF e outros recursos são decididos nas Cortes Superiores, a importância do trabalho do advogado, a importância de uma boa sustentação oral, da adequada argumentação jurídica, entre outras relevantes circunstâncias importam na decisão que estas Cortes irão proferir”, frisa Miriam, destacando ainda que a  possibilidade de associar as experiências vividas com os variados conteúdos programáticos vistos nas disciplinas de Direito Administrativo, Direito Tributário, Direito do Trabalho, proporcionou uma conscientização única da relevância do Direito na vida do cidadão.

“Finalizamos nossa visita no Ministério da Justiça e Segurança Pública onde os alunos tiveram uma aula de Direito Administrativo com o secretário executivo Dr. Washington Bonini e, após uma audiência com o Ministro da Justiça e Segurança Pública Dr. Sérgio Moro, que gentilmente conversou com os alunos e expôs os principais objetivos da pasta que são o combate a corrupção e aos crimes organizado. Esse grupo de alunos hoje percebe a importância do que estão aprendendo em sala de aula, e tenho certeza, voltaram todos ainda mais entusiasmados com o seu curso”, salienta Miriam.

CRONOGRAMA DAS VISITAÇÕES
21 de maio
– Conselho Nacional do Ministério Público;
– Superior Tribunal Militar;
– Defensoria Pública da União

22 de maio
– Conselho Federal da OAB;
– Supremo Tribunal Federal;
– Câmara dos Deputados;
– Senado Federal

23 de maio
– Tribunal Superior do Trabalho;
– Tribunal Superior Eleitoral;
– Superior Tribunal de Justiça;
– Procuradoria Geral da República e Ministério Público Federal

24 de maio
– Palácio da Justiça (Ministério da Justiça e Segurança Pública);
– Câmara dos Deputados;
– Senado Federal.

Fotos: Sérgio Almeida/Conselho Nacional do Ministério Público

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s