Revista Paranhana Literário será destaque em mesa de debates no Festival Internacional Literário de Gramado

O escritor e editor Doralino Souza participará do Festival Internacional Literário de Gramado (FiliGram) contando o case da Revista Paranhana Literário, criada por ele. O destaque acontece no domingo (04), às 14h, durante o Painel Revistas Literárias, ao lado de Carolina Panta, da La Loba Magazine, e de André Santos, da Revista Literomancia.

Doralino conta que ele foi convidado para explanar sobre a idealização e produção da Paranhana Literário, uma revista digital que tem oportunizado a publicação e divulgação de autores, iniciantes ou não, de todas as partes do Brasil e até do exterior. “Será um momento ímpar, de aprendizado e trocas de experiências sobre um assunto que me fascina. O fato de a revista Paranhana Literário ter sido lembrada e convidada para esse evento, mostra sua relevância no cenário literário atual. Motivo de muito orgulho para mim”, comemora.  

O evento acontece de 02 a 11 de setembro, no Lago Joaquina Rita Bier, no Centro de Gramado. Serão 10 dias de atrações no Centro de Cultura de Gramado (Lago Joaquina Rita Bier), com 5 eixos temáticos, palestrantes e escritores internacionais e de diversas partes do Brasil e do Rio Grande do Sul. No total, são previstas mais de 150 atividades envolvendo mesas de debates, painéis, saraus, sessões de autógrafos, slams, teatro de rua, teatro de bonecos, teatro infantil, cinema e shows, contação de histórias, exposição, performances, oficinas, meditação, além de intervenções surpresa. Algumas ações do Festival, denominadas FiliGram Nights, acontecerão em espaços gastronômicos da cidade, como pubs e restaurantes.

A programação tem curadoria coletiva dividida em cinco eixos temáticos que abordam temas centrais da literatura contemporânea:

  • Polaroid Brasil – sobre diversidade, sustentabilidade e futuros possíveis;
  • Mercatto – vai debater o mercado editorial e seus meios de produção e circulação;
  • Orgânico – será pautado pelo engajamento digital de autores e leitores;
  • Campi – envolverá a academia, teoria, alegria, com apresentações musicais e teatrais;
  • Digiteen – vai explorar o universo lúdico, de imagens e linguagens dos adolescentes, com HQs, games e educação.

A estimativa é que o festival, que também vai englobar a 25ª Feira do Livro de Gramado, atraia um público de 80 mil pessoas no espaço de 3,5 mil metros quadrados que receberá o evento. A programação completa pode ser conferida no site

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s