Grupo Criando Arte e Teatro leva espetáculo de humor para lares de idosos de Igrejinha

Levar um momento de alegria proporcionando risos aos idosos que residem em lares foi o objetivo maior da ação realizada pelo Grupo Teatral Criando Arte e Teatro, realizada na última semana. Os integrantes levaram o espetáculo humorístico “Astolfo Apronta nos Lares” para cinco geriatrias de Igrejinha, respeitando o distanciamento e protocolos de segurança. Misturando humor circense com situações do cotidiano, a peça é estrelada pelos personagens Astolfo (Claudio Arnei Machado Fogaça), Chiquinha (Ju Pimmel), Loko Priscilico (Paulo Fernandes) e Gadeia (Geovani Perondi), com Claudinei Amaral e Solange Viaziminski (Harmonia Musical) responsáveis pela estrutura do palco e sonorização.

A produção cultural foi contemplada com o edital municipal da Lei Aldir Blanc. “Essa foi a oportunidade perfeita que o grupo encontrou de levar, de forma segura, entretenimento para ambientes em que faz tanta falta, como os lares de idosos. Fomos muito bem recebidos pelas equipes de todos os lares e os senhores e senhoras se divertiram bastante no decorrer das apresentações. É uma satisfação enorme para o grupo poder proporcionar  isso e ver que nosso trabalho de alguma maneira trouxe momentos de alegria para eles, ainda mais em meio a essa época tão conturbada”, destaca Giovani Perondi. Receberam a apresentação dos artistas através deste projeto duas unidades do Lar do Idoso de Igrejinha, duas unidades do Lar do Idoso Bom Pastor e a Clínica Geriátrica Paranhana.  Para a segurança dos vovôs, foi montado um palco distante da plateia com sonorização necessária para que a mesma pudesse ouvir o espetáculo. Onde os ambientes eram menores, a apresentação aconteceu do lado de fora dos portões.

Sobre o Grupo

O Grupo Teatral Criando Arte e Teatro foi criado em 2008 com o propósito de levar, através de peças teatrais, entretenimento e diversão com qualidade para o público. O grupo começou apresentando em escolas e casas de espetáculo a versão teatral de “As Aventuras de Tibicuera“, livro de Érico Veríssimo. Com o tempo, outras peças foram entrando no repertório: “Uma Segunda Chance” (diálogo sobre drogas), “A Fada Da Natureza” (de autoria do grupo sobre conscientização ambiental), “O Pequeno Príncipe“, “Brincando de Natal” (também de autoria própria) e “Do Avesso” (Esquetes do Cotidiano) com passagem por dezenas de municípios levando sua arte. Atualmente, os artistas estão trabalhando em uma versão para casas de espetáculos da comédia “Astolfo“.

O grupo conta com três integrantes fixos e, para algumas apresentações, conta com a participação especial de Tabaré Garcia, de Porto Alegre, e de Paulo Fernandes Jr, além de estar em fase de teste de uma nova integrante.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s