Última etapa lançada: Conclusão do restauro da Casa Vidal deve ocorrer até março de 2024

As comemorações do Dia Estadual do Patrimônio Cultural tiveram um marco importante em Taquara na manhã desta sexta-feira (19) com o lançamento da terceira e última etapa de restauro da Casa Vidal, prevista para ser concluída até março de 2024. O investimento de R$ 3.619.850,28 ocorre através do projeto cadastrado em 2021 pela atual Administração Municipal no Edital de Museus do governo do Rio Grande do Sul, sendo R$ 2.521.445,73 de recursos estaduais e R$ 1.098.404,55 de contrapartida municipal.

O prédio passa por restauro em sua edificação desde 2018. “A preservação do patrimônio arquitetônico de Taquara é a preservação da nossa história, que se mantém viva e é referência para as gerações atuais e futuras”, destacou a prefeita Sirlei Silveira, que assinou o contrato para a obra juntamente com o sócio-proprietário da Arquium Construções e Restauro, Paulo da Luz, empresa responsável pela execução dos trabalhos.

Após concluído, o prédio abrigará o acervo do Museu Histórico Municipal Adelmo Trott e o Arquivo Histórico Municipal Maria Eunice Müller Kautzmann, além da Biblioteca Pública Municipal Professor Rodolfo Dietschi. O espaço também terá salas para oficinas culturais, para exposição de curta e longa duração, para pesquisa e apoio técnico ao Museu, para atendimento ao público e cafeteria.

Momento de maturidade

A luta pela preservação do prédio da Casa Vidal iniciou em 2004, conforme lembra a promotora do Ministério Público de Taquara, Ximena Cardozo Ferreira, uma das defensoras do projeto de restauro. “Considero que estejamos na maturidade do projeto, que há 18 anos o Ministério Público está envolvido”, destacou, reforçando que nada teria acontecido se não fossem as parcerias, como da taquarense Ana Lúcia Holmer Bauer Schweitzer‎, no ato representando a comunidade com engajamento na área do patrimônio cultural.

A secretária interina de Estado da Cultura, Gabriella Meindrad, enalteceu a importância do projeto e da união entre o Estado e as prefeituras. “Nós caminhamos juntos para a concretização deste sonho que não é só de uma pessoa, mas sim de toda comunidade cultural e das pessoas que irão usufruir deste projeto em Taquara”, ressaltou.

O mais antigo em alvenaria

A Casa Vidal foi o segundo prédio em alvenaria construído em Taquara e continua sendo o mais antigo ainda existente na cidade. A construção foi realizada na segunda metade do século XIX, ainda durante o Império no Brasil. O responsável pela edificação foi o coronel Jorge Fleck.

A Casa Vidal foi um dos pontos comerciais mais importantes de Taquara e nesta edificação eram comercializados tecidos, roupas e ferragens. Em agosto de 2012, foi declarado patrimônio municipal tombado. “Desde então a sociedade civil, juntamente com o poder público municipal e estadual, vem buscando formas de devolver aos taquarenses esse bem de grande apelo afetivo e referencial único desta arquitetura em Taquara”, lembrou Sirlei.

Documentário sobre a Casa Vidal

A cerimônia iniciou com um teaser do documentário “Restauração da Casa Vidal e a participação cidadã na preservação de um patrimônio da cidade de Taquara-RS”, que conta a história e destaca a importância da Casa Vidal como patrimônio histórico e cultural. A produção integra a 4ª edição do Dia Estadual do Patrimônio Cultural que apresenta a temática “Patrimônio Cultural, Cidadania e Ética”, e será exibida na íntegra no dia 20 de agosto, às 19h, no Facebook e YouTube da Prefeitura e do Museu Histórico Municipal Adelmo Trott.

O evento é uma promoção da Prefeitura de Taquara, da Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esporte, da Diretoria de Cultura, do Museu Histórico Municipal Adelmo Trott e do Arquivo Histórico Municipal Maria Eunice Müller Kautzmann com apoio do Ministério Público.

A primeira etapa

O projeto da Casa Vidal teve em sua primeira fase a obra de restauro da edificação iniciada em agosto de 2018 e concluída em novembro de 2020. Foram R$1.206.181,58 investidos com recursos do Pró-Cultura/RS e o patrocínio das empresas Usaflex, Pirisa, Bibi, FH Comassetto, Frigorífico Santo André, Embutidos Smaniotto e Rede Müller.

A segunda etapa

Aprovada em agosto de 2021 pelo Pró-Cultura/RS, a segunda etapa terá um investimento no valor de R$1.062.632,73. O projeto é promovido através da Lei de Incentivo à Cultura (LIC) e realizado pela Associação Natal Mágico de Taquara com o apoio da Prefeitura, sendo desenvolvido pela Patrimonium Gestão e Produção Cultural e Forma Arquitetura e executado pela Arquium Construções e Restauro Ltda. Esta etapa tem o patrocínio das empresas Embrasa, RDois, Bibi, FH Comassetto Materiais de Construção e FlyByte Comunicação. As obras retomaram em maio de 2022.

A terceira etapa

Em novembro de 2021, a Prefeitura de Taquara participou do Edital de Museus Municipais da Secretaria de Estado da Cultura do Rio Grande do Sul (Sedac) e foi contemplada a receber recursos diretos. O projeto “Restauro e Modernização do Museu Municipal Adelmo Trott” está sendo realizado com recursos do governo do Estado do Rio Grande do Sul, por meio da Secretaria da Cultura (Sedac). Além disso, conta com o apoio do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado (Iphae) e do Sistema Estadual de Museus (SEM RS). Esta etapa compreende infraestrutura e todo o trabalho de museologia e mobiliário para o espaço.

Presentes no evento

Estiveram presentes no evento a arquiteta responsável pelo projeto, Leila Schaedler; representantes da empresa executora, Cristina Seibert Schneider e Anderson Miguel Christ; procurador jurídico, Luciano Campana; secretários municipais Educação, Cultura e Esporte, Carla Silveira; de Administração, Débora Costa; de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural, Gilson Redin; de Captação de Recursos, Valentine Dall’Acqua; de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Turismo, Cassiano Kublick; de Meio Ambiente, Defesa Civil e Causa Animal, Matheus Modler; Orçamento e Finanças, Douglas Kaiser; de Planejamento, Habitação, Segurança, Mobilidade e Trânsito, Adalberto Lemos; e de Saúde, Mariane Farias da Silva; diretor de Cultura, Luciano Salvaterra; a coordenadora do Dia Estadual do Patrimônio Cultural, Luísa Maciel; o diretor do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado (IPHAE), Renato Savoldi; diretor do Museu Arqueológico do Rio Grande do Sul (Marsul), Antonio Soares; representantes da comunidade e imprensa regional.

*Fotos: Cris Vargas/Prefeitura de Taquara

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s