Taquara participa pela primeira vez do Dia Estadual do Patrimônio Cultural

Neste sábado e domingo, dias 14 e 15 de agosto, a cidade de Taquara terá sua participação nas comemorações do 3º Dia Estadual do Patrimônio Cultural. É a primeira vez que o município participa do evento, promovido pela Secretaria de Estado da Cultura (Sedac). A realização local é coordenada pelo Departamento de Cultura, Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esporte (SMECE) e Prefeitura Municipal.

A presença taquarense no evento Estadual se dará através da exibição de dois vídeos, que serão publicados na página do Facebook e no YouTube da Prefeitura de Taquara. O primeiro deles será divulgado no sábado, 14, às 19h30, com o tema “Educação Patrimonial: Taquara, um lugar de memória, identidade e pertencimento”, gravado no dia 5 de agosto, durante a visitação dos membros do Conselho dos Dirigentes Culturais do Paranhana (CODIC) ao Município e ao casarão Solar Pina, além da apresentação da história do Município.

As participações são da arquiteta e urbanista Michele Caloni Biason, que cursa especialização em Preservação, conservação e restauro de bens culturais; do tradicionalista Marco Aurélio Angeli (Zoreia), que é empreendedor do Projeto Caminho das Tropas e criador de mulas; da pianista Neusa Conrado; e do flautista Cyrlon Gomes.

No domingo, 15, também às 19h30, será a vez da ação “Memórias em tela e tinta: a educação patrimonial como meio de preservação do patrimônio histórico de Taquara-RS”. É um vídeo com a participação do professor Maicon Diego Rodrigues, graduado em História, pós-graduado em Pedagogia Digital e Inovações, mestre em História Latino-Americana, com ênfase em imigração, memória e patrimônio; e do também professor Adilson Luciano das Chagas, graduado em Licenciatura em Artes Visuais e pós-graduado em Arte e Educação. O material também contém depoimentos de alunos de ambos os docentes, que realizaram trabalhos artísticos e históricos sobre antigos casarões de Taquara.

Ter a realização do Dia Estadual do Patrimônio Cultural em Taquara reforça a importância da preservação das edificações que contam a história do Município, conforme ressalta a diretora de Cultura, Regina Valentini. “Devemos valorizar um bem cultural e ensinar sobre isto através de uma educação patrimonial desde a infância. Celebrar esta data é uma celebração de cada indivíduo, destacando a nossa história como um povo”, destaca.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s