Você é o resultado de suas escolhas

“Você é o resultado de suas escolhas”. Se tu tens mais de 30 anos, meu amigo… Sim: deve lembrar das propagandas icônicas do curso pré-vestibular Unificado. Nas propagandas apareciam sempre casos do cotidiano e cenas engraçadas onde os personagens precisavam escolher uma opção dentre 5 alternativas.

Pois bem, cá estou eu anos depois de ter sido aluna do Unificado, sentindo que a minha vida é uma sucessão de escolhas. E sim, acabo sendo o resultado de cada uma delas.  

“Mas Tina, bem-vinda às vida adulta!”

Antes que me venham com essa, já digo logo que sim, eu estou ciente disso. E sabe? O ato de escolher, me faz livre. Prezo minha liberdade, prezo poder optar pelo melhor caminho.

O sentimento a respeito das escolhas que eu quero trazer hoje para vocês, é um pouco mais amplo. 

  • Primeiro de tudo, estou cansada e estamos apenas no segundo mês do ano. Isso não deveria estar acontecendo. O cansaço que eu estou sentindo hoje, é o cansaço que eu costumava sentir lá por novembro. 
  • Segundo, que estamos quase entrando no último mês do primeiro trimestre de 2021. Wow! O tempo está passando muito rápido, pisquei e acordei em março.
  • Terceiro, essa pandemia não me ajuda a ser feliz. Os dados seguem alarmantes, o descaso das pessoas, idem. Mais de 245 mil mortes e ninguém se importa de verdade, pelo que estou vendo.
  • Quarto, eu estou me cobrando demais. Sinto que nunca faço o suficiente, sinto que estou sufocando em dias e mais dias em casa e em isolamento. Atividades que antes eram prazerosas, agora me irritam.

E a questão é: eu sou o resultado das minhas escolhas, mas eu não ando podendo escolher muito. E isso me frustra. 
2021 estava tão lindinho e promissor. Não estava? O ano da virada. O ano da alegria. Da vacina. Da melhora da economia. Do fim da pandemia. E já estamos em março, quase. E toda aquela aura de paz e luz, parece que andou se dissipando. 

Estudar, ler, desenhar, dormir, assistir série, trabalhar, estudar, ler, desenhar, dormir, assistir série, trabalhar…

Acordo super cedo, todos os dias. Faço um café e começo a rotina de estudo e trabalho. Passa a manhã, passa a tarde, chega a noite. 

Às vezes converso com meus pais, irmã e algum amigo. Assisto algo na tv com meu noivo – e graças a Deus nos damos muito bem, amém (imagina o horror que não deve ser estar trancada em casa com alguém que só briga?) – e quando vejo, estou sendo sacudida por ele e ouço ao longe um “amor, vem dormir na cama”.

Estudar, ler, desenhar, dormir, assistir série, trabalhar, estudar, ler, desenhar, dormir, assistir série, trabalhar…

Minha paciência anda restrita. Para não brigar, opto pelo silêncio. Ouço algo que não gosto no trabalho? Ah, tá. Ok. Vou levando até concluir o projeto e poder dar bye pra nunca mais voltar. Ah, escolher ser PJ tem isso de bom, né Ontem soube que mais uma amiga tá com Covid no hospital. Fiquei chateada e preocupada. Tive um dia meio pesado e aproveitei para descontar em uma generosa taça de vinho tinto seco. 

Quero voltar a me exercitar, voltar a escrever meu livro, gravar meu curso. Talvez as coisas melhorem para os próximos dias. Espero que sim.

A verdade é que se eu sou o resultado das minhas escolhas, hoje, sou um completo tédio. Amanhã isso deve passar. Talvez eu deva escolher melhor como ocupar o meu tempo livre. Será? É bem provável. A sensação que tenho é que só vou conseguir respirar sem medo e escolher de coração aberto, após a pandemia passar. O problema, é que enquanto ela não passa, a vida se esvai em pensamentos infrutíferos e más escolhas. 

Estudar, ler, desenhar, dormir, assistir série, trabalhar, estudar, ler, desenhar, dormir, assistir série, trabalhar…

Vou preparar a minha pipoca e procurar algo pra assistir na tv.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s